Apesar de alta, Nordeste ainda apresenta situação crítica

2

Fonte: ONS (http://www.ons.org.br/download/operacao/previsao_carga/Boletim_Tecnico_ONS-EPE-CCEE_Planejamento_Anual_2017-2021_1Revisao_Quadrimestral.pdf)

A previsão mensal de Energia Natural Afluente (ENA) do Operador Nacional do Sistema (ONS) indica aumento em todos os submercados com relação à expectativa divulgada na semana passada. No Sudeste/Centro-Oeste, a previsão aumentou 2 pontos percentuais, enquanto no Sul o aumento foi um pouco mais significativo, de 10 pontos percentuais. Nos submercados Nordeste e Norte, o acréscimo foi igual, de 4 pontos percentuais. Apesar da alta, o Nordeste deve terminar o mês com a situação mais desconfortável, com volume de vazões equivalente a apenas 26% da média histórica.

A ENA representa a energia que pode ser obtida por meio das vazões naturais dos rios.

 

Mais notícias sobre Energia Renovável